jo

Quem Somos

JORNAL DA OBRA

São Gonçalo, RJ Brasil

E-mail: jornaldaobra@yahoo.com.br

 

CONSELHO EDITORIAL  &  CONSELHO ADMINISTRATIVO

Bruno  Fuly                                   

Diretor Presidente                                                              

 

Pr. Noé  Fuly 

Diretor Executivo                                                   

 

Noemi  Fuly          

Diretora Geral de Produção Online e Impressa

_________________________

 

Objetivo

 

O Jornal da Obra tem por objetivo transmitir o conhecimento a respeito da OBRA do Senhor NOS TEMPOS DA RESTAURAÇÃO DE TUDO, anunciando a mensagem genuína do Evangelho – conforme apresentada na Bíblia: “Até os Tempos da Restauração de todas as coisas” (Atos 3:21).

 

Nossas atividades são organizacionalmente independentes das Igrejas locais e denominações Evangélicas.

_________________________

 

Nossa Crença

> Cremos que as Escrituras Sagradas foram escritas por homens divinamente inspirados e que elas são um rico tesouro de instrução celestial (II Tm. 3:16,17; II Pe. 1:21; II Sm. 23:2), tendo Deus como seu verdadeiro autor e a salvação dos homens como fim (II Tm. 3:15; I Pe. 1:10-12; Jo. 5:37-40).

> Cremos na Trindade Divina: “Pai, Filho e Espírito Santo” que harmoniosamente ocupam uma TRI-UNIDADE.

> Cremos que há um, e somente um Deus vivo e verdadeiro, um Espírito infinito e inteligente, cujo nome é Jeová, o Criador e Governador supremo do céu e da Terra. (Jo. 4:24; Sl 147:5; 83:18).

> Cremos em Jesus Cristo, único Filho de Deus, como Salvador pessoal de todos os homens. (Jo. 3:16).

> Cremos que a justificação (salvação) efetua-se somente através da fé em Jesus Cristo. (Ef. 2:8).

> Cremos que a santificação do corpo, da alma e do espírito é um processo gradativo após a salvação, operada pelo Espírito Santo. (II Pe. 3:18).

> Cremos no Batismo com o Espírito Santo como um dom de Deus, posterior à Salvação. (At. 19:2-6).

> Cremos no Batismo bíblico em rio(imersão), aplicado em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. (Mt. 28:19).

> Cremos nos dons espirituais segundo relato do Novo Testamento.

> Cremos na Santa Ceia com pão asmo e o fruto da vide e ainda no Lava-Pés como uma prática para o povo de Deus na ocasião da mesma. (Jo. 13:4-17).

> Cremos na saudação com Ósculo Santo em todos os lugares onde quer que se encontrem dois irmãos praticantes da mesma doutrina e se outro cristão desejar praticar o Ósculo Santo não deve ser rejeitado, segundo o que preceitua Rm. 16:16.

> Cremos no uso do véu sobre a cabeça das mulheres cristãs em toda e qualquer ocasião em que a mulher exercer o ato de culto divino, segundo declaração em I Co. 11:2-16.

> Cremos que o homem deve apresentar-se no incorruptível trajo e que as mulheres devem vestir-se como as santas do passado (I Pe. 3. 4,5), com pudor e decência, em casa, no trabalho, na rua e na Igreja. (I Tm. 2:9).

> Cremos que é ensinamento bíblico as mulheres terem seus cabelos crescidos, bem como é vergonhoso ao homem tê-lo crescido, objetivando não transmudar na aparência o perfil da criação entre homem e mulher. (I Co. 11:15).

> Cremos na segunda vinda iminente de Nosso Senhor Jesus Cristo, para arrebatamento de Sua igreja.

> Cremos que a salvação de pecadores é inteiramente de graça (Rm. 3:24; Atos 15:11), por meio da obra meritória do Filho de Deus (João 3:16).

> Cremos que os pecadores precisam ser regenerados, ou nascidos de novo, para poderem ser salvos (Jo. 3:3; I Co. 2:4) e que o arrependimento e a fé são deveres sagrados e graça inseparáveis, operados em nossa alma pelo Espírito de Deus (Mt. 1:15; Ef. 2:8; I Jo. 5:1).

> Cremos que uma Igreja visível de Cristo é uma organização de crentes batizados (I Co. 1:12,13), associados uns aos outros, sob um pacto, na fé e na comunhão do evangelho (At. 2:41,47) e identificados como cristãos (At. 11:26).

> Cremos que é nosso dever orar pelas autoridades constituídas, as quais devem ser conscienciosamente honradas e obedecidas (Mt. 22:21), exceto nas coisas contrárias a vontade de Nosso Senhor Jesus Cristo (At 5:29), que é o único Senhor da consciência e o Príncipe dos reis da terra (Mt. 23:10; Rm. 14:4).

Envie para um amigo





Envie para um amigo